Reitas Dr. Barakat - Vida Saudável
Receitas Dr. Barakat
25 de novembro de 2019
CBD e Suas Propriedades Terapêuticas
CBD e Suas Propriedades Terapêuticas
3 de dezembro de 2019

Precisamos falar sobre Canabidiol

Canabidiol

Canabidiol. Já ouviu falar nesta substância? O CBD é um dos componentes encontrados no cânhamo, que faz parte do gênero cannabis. Trata-se de uma planta que tem cerca de 500 compostos distintos, sendo que alguns deles são capazes de interagir com alguns de nossos receptores no sistema nervoso. Dentre eles está o CBD, que não é um composto psicoativo, ou seja, não causa nenhum tipo de “barato” (este, por sua vez, é causado pelo THC, em maior concentração na maconha). E, antes de prosseguirmos, quero deixar claro que não estou aqui como nenhum ativista, mas sim como médico que busca smp estudar e se atualizar!

Prosseguindo. Nosso cérebro possui receptores que interagem com os endocanabinoides, neurotransmissores produzidos naturalmente em nosso organismo. Esse sistema endocanabinoide de nosso sistema nervoso ainda não é completamente compreendido, mas sabe-se que ele está relacionado com a regulação do apetite, dor, humor, sono e processos cognitivos e físicos. E adivinhem? Esse sistema endocanabinoide é composto de receptores naturais para o canabidiol. Ou seja, temos naturalmente em nosso organismo receptores para o CBD, nosso cérebro tem uma estrutura preparada para se conectar a ele. E como o CBD pode “imitar” alguns químicos naturais do cérebro, os benefícios do CBD para a saúde são potencialmente amplos (e ainda estão sendo estudados para maior compreensão). A cannabis é cultivada há milênios e fatores políticos, econômicos, morais e sociais pesaram muito mais do que os científicos na hora de sua proibição. Chineses, árabes, negros e mexicanos faziam uso no séc. XX. Mas, não estou aqui para falar da cannabis em si. Há muitas convicções em jogo, é difícil falar sobre esse tema, eu sei, mas o debate que quero propor é sobre o uso medicinal do CBD, o composto que não possui propriedades psicoativas! Ou seja, não há nada de “apologia às drogas” aqui, mas sim um debate saudável sobre uma outra estratégia no tratamento de diversas doenças, com base em estudos.

Por isso, nos próximos posts quero desmistificar com vocês alguns “pré-conceitos” sobre o CBD e quem sabe, juntos, possamos ressignificar o olhar sobre o uso medicinal do CBD! Estão prontos pra isso?


 

POSTS RELACIONADOS AO CDB CANABIDIOL

CBD no Tratamento da Depressão

CBD vs THC

CBD e Suas Propriedades Terapêuticas

WhatsApp chat