fbpx
Crudivorismo: os benefícios da alimentação viva
27 de setembro de 2016
Frutose: conheça este açúcar
28 de setembro de 2016

Marmita, melhor amiga da sua alimentação

Leia mais.

marmitaO cuidado com a alimentação deve ser aplicado em todas as refeições do dia. Em meio a uma rotina muitas vezes frenética – em que temos de nos desdobrar entre compromissos, é muito comum tender a deslizes na qualidade daquilo que comemos. Mas será que realmente isto é uma desculpa para abrir uma brecha e baixar a guarda?!

Comer fora pode ser boa alternativa se você puder optar por um lugar que ofereça sabor e qualidade nutricional, e não escorregar num fast food! Só que -cá entre nós – sabemos que isso pode ser um desafio e tanto, não é mesmo!

A melhor opção é a marmita – e, acreditem, eu sei do que estou falando. Além de apresentar a vocês esta como a mais indicada das possibilidades, eu sou um MARMITEIRO assumido! Há mais de 25 anos eu não apendas defendo, como milito nesta prática!

Quem acompanha no Snap meus breaks entre uma consulta e outra na hora do jantar, já não apenas acompanhou de perto como jantou comigo – e até com a Rainha – na copa do Instituto! Trazemos a comida de casa! Sabe por quê?

Além da praticidade e da economia que representará no orçamento do final do mês, esta modalidade é a escolha mais saudável, e aquela que lhe garante total confiança quanto aos ingredientes utilizados, a forma de preparo e a variedade nutricional necessária para que você alcance o melhor potencial de seu organismo. A marmita pode ser amiga de diversas ocasiões – do café da manhã, ao almoço e o jantar.

Segundo pesquisa divulgada pelo Economic Research Service do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, a alimentação realizada fora de casa está associada com a má qualidade da dieta em muitos estudos. Para o adulto médio, essa prática aumenta a ingestão calórica diária e reduz a qualidade da dieta. Os efeitos variam dependendo de quais refeições são consumidas fora. Em média, o almoço fora de casa eleva o consumo diário de álcool e açúcar. Jantar fora de casa reduz o número de porções de vegetais consumidos.

Existem alguns detalhes importantes para preparar a melhor marmita que quero compartilhar com vocês. Fuja dos potes de plástico! Eles tem disruptores endócrinos, como o bisfenol A (BPA) – lembram do filme “The Human Experiment“!? – que relata os perigos do BPA para o organismo? Além disso, quando aquecidos ou congelados liberam substâncias tóxicas ao organismo, que podem causar até câncer! (leia também sobre BPA no Blog http://bit.ly/2d20jYG )

A melhor pedida são os potes de vidro que ainda são uma maneira sustentável de levar o alimento. O vidro ganhou muita notoriedade principalmente por essa questão de sustentabilidade, o que eu acredito ser muito importante. Hoje, inclusive, tem crescido os adeptos da “salada de pote! Esta é uma maneira muito interessante de manter um estilo de vida saudável. O que não pode é acreditar que se pode viver somente de salada. Para ser nutritiva, a dieta alimentar precisa de uma grande variedade de micronutrientes, e para apresentar todos que o organismo necessita, quanto mais colorida, melhor.

Alimentos roxos, por exemplo, têm micronutrientes diferentes do alimento verde escuro, dos alaranjados, dos amarelos. Quando colorimos o prato, temos uma maior disponibilidade de micronutrientes necessários.

Outro detalhe é que precisa haver cuidado com a conservação. O ideal é aprontar diariamente a porção da refeição., mas se não for possível, procure manter por pouco tempo até o consumo. Tempere apenas na hora de ingerí-la. Se a marmita contiver fruta picada, vai haver fermentação. Existe a possibilidade de prepara com antecedência pra um ou dois dias, para ajudar nas atividades em casa. Se os alimentos forem cozidos, até a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomenda que não sejam expostos à temperatura ambiente por mais de 2 horas. Por isso, prefira utilizar uma bolsa térmica para o transporte, conserve em geladeira e prefira aquecer em aproximadamente 70 graus antes de comer.

Ter a possibilidade de levar para o trabalho, ou onde quer que você vá, a opção de um alimento preparado em casa, com os temperos adequados, sabendo exatamente o que você colocou, e principalmente, feito com amor e carinho, faz toda a diferença. E aproveite para preparar a refeição saudável, como você faz em casa! eu recomendo: faça da marmita sua melhor amiga! Você só tem a ganhar – tanto em saúde para o organismo quanto em economia, e sem abrir mão da qualidade nutricional! Experimente e renda-se as famosas e queridas “quentinhas”!

WhatsApp chat