fbpx
Vigorexia: quando a prática de exercícios vira compulsão
25 de outubro de 2016
Bullying: precisamos falar sobre isso
27 de outubro de 2016

Entenda a importância de estimular hábitos alimentares de qualidade nas crianças

Leia mais.

barakat_pesquisa datafolha refris 26.10Os hábitos alimentares são gerados na infância. Gostos e preferências surgem geralmente com base nas referências dos pais, avós e quem mais conviver com a criança. Embora possam ser readequados ao longo da vida, há certas práticas que são custosas de largar mão. Quantos de nós tiveram de abrir mão (alguns às duras penas) de refrigerantes, doces, congelados, embutidos, não é mesmo?

Por isso levanto há anos a bandeira da importância de priorizar comida de verdade e manter distância total dos Industrializados das crianças. Percebo que muitos tem se conscientizado disso e procurado agir diferente!

Diante da obscena oferta da Indústria somos bombardeados de propagandas. E, claro, o “bom marketing” foca também em publicidades voltadas a agradar o público infantil. Eles sabem que de pequeno se cultivam os hábitos e investem pesado nisso.

Por aqui temos aprendido que não devemos ceder aos apelos da Matrix. Acompanhamos movimentos em escolas que já tem mudado o pensamento frente à alimentação que vem sendo oferecida. E, ontem tive uma grata surpresa ao ler na Folha de S. Paulo o resultado de uma pesquisa Datafolha encomendada por uma instituição chamada “ACT” – que atua na área de controle ao tabagismo e promoção de saúde, que aponta que 7 a cada 10 brasileiros são contra publicidade de refrigerantes e salgadinhos para crianças.  Aqui está o link da Folha http://bit.ly/2f7krMm

Entre os entrevistados, 72% afirmaram ser contra, totalmente ou em parte, a propaganda de refrigerantes. 67% contra salgadinhos; e 64% de sucos industrializados. E, já temos 60% que estão contrários a qualquer tipo de propaganda para crianças.

Considero este resultado positivo. Mas, preciso ressaltar que ainda há muito a caminhar. De nada adianta não haver publicidade nos meios de comunicação, ou mesmo tirar as crianças da sala na hora da propaganda, se quando elas se sentarem à mesa ou abrirem seus lanches se depararem com estes produtos. Entendem? Toda ação que coíba maus hábitos é bem-vinda! Só que o primeiro estímulo vem de dentro de casa, daqueles em quem elas se espelham! Entendem?

 

 

WhatsApp chat