fbpx
Burnout: quando é tempo de rever prioridades
20 de março de 2017
21/03: Dia Internacional da Síndrome de Down
21 de março de 2017

Campanha contra agrotóxicos

Quero convidar vocês a conhecer a ação #ChegaDeAgrotóxicos - uma iniciativa da Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida em prol da instituição da Política Nacional de Redução de Agrotóxicos (PNaRA) – que prevê uma série de medidas que restringem os agrotóxicos no Brasil. O abaixo-assinado também objetiva barrar o Projeto de Lei (PL) 6299/2002, conhecido como “Pacote do Veneno”,

Quero convidar vocês a conhecer a ação #ChegaDeAgrotóxicos – uma iniciativa da Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida em prol da instituição da Política Nacional de Redução de Agrotóxicos (PNaRA) – que prevê uma série de medidas que restringem os agrotóxicos no Brasil.

O abaixo-assinado também objetiva barrar o Projeto de Lei (PL) 6299/2002, conhecido como “Pacote do Veneno”, que se aprovado deve liberar ainda mais o uso de agrotóxicos no país. Ou seja, o que já é abusivo, poderá se tornar insustentável, mantendo o impacto nocivo à saúde da população, bem como prejudicando a produção de alimentos saudáveis (e orgânicos) e o desenvolvimento da agroecologia.

Agrotóxicos estão sim atrelados a problemas de saúde, por sua toxicidade, e por serem cancerígenos. Se neste ponto você reflete que: “esta análise cabe apenas a quem lida com o produto” – digo que é hora de irmos mais profundo. Que valor o plantador tem que o difere de nós? Porque ele merece estar na estatística? Enquanto houver pessoas que não se preocupam com a procedência daquilo que comem, daquilo que vestem, haverá quem sofra. Mas, acreditem: os agrotóxicos não estão limitados nas cercanias das plantações, eles já invadiram nossa sala de jantar.

A plataforma #ChegaDeAgrotóxicos foi criada pela Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida, Greenpeace Brasil, Abrasco Divulga, Idec – Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, entre outras instituições.

Aos que compreenderem que este é um movimento benéfico podem acessar o site http://www.chegadeagrotoxicos.org.br/ e fazer parte desta empreitada.

Recomendo que leiam com atenção no site da campanha o que deve ocorrer com este “PL do Veneno” caso ele seja aprovado: entre os pontos há:

1. agrotóxico passa a se chamar “defensivo fitossanitário”, na tentativa de mascarar/encobrir a nocividade amplamente conhecida destas substâncias;

2. será admitida a possibilidade de registro de substâncias comprovadamente cancerígenas! E serão estabelecidos níveis aceitáveis para isto, embora não exista níveis seguros para substâncias que se demonstrem cancerígenas; confira os demais na web da campanha

#chegadeagrotoxicos #veneno #comidadeverdade #organicos

WhatsApp chat