fbpx
Dr. Barakat no Comer Bem Que Mal Tem
6 de fevereiro de 2017
O que você tem comido no lanche?
8 de fevereiro de 2017

Beber ou não beber LEITE: eis a questão

Para começar, quando falamos em consumo de leite, de qual leite estamos exatamente falando?! Vamos compreender

Para começar, quando falamos em consumo de leite, de qual leite estamos exatamente falando?!

Vamos olhar para a história, ela nos conta que nossas bisavós, tataravós (depende de sua idade) tomavam leite de vaca porque muitas tinham o animal no quintal ou obtinham a bebida por meio desta fonte. Era um leite “de verdade”. Diante desta herança de nossos antepassados, muitos perguntam se é possível optar pelo leite de vaca. Depende de como este animal é cuidado. Os anos se passaram e, infelizmente, o leite está muito longe de ser saudável. As vacas leiteiras recebem diariamente hormônios de crescimento e de simulação de gravidez para aumentar a produção de leite, bem como antibióticos para diminuir infecções provocadas pelos mais variados mecanismos e químicos a que estão expostas. Nada pior do que contaminar o próprio leite com esses materiais!

Outro fato: surpreendentemente o leite está longe de ser “a” fonte de cálcio, como é tido hoje, pelo contrário, o corpo humano é incapaz de absorver este nutriente do leite da vaca e também ficou provado que o leite pode aumentar as perdas de cálcio nos ossos.

A questão sobre o leite é amplamente discutida há anos tanto entre população em geral quanto comunidade científica. Assim como outras frentes – o leite também tem pesquisas financiadas pela Indústria láctea – o que não é novidade, certo? Então, de certo que encontraremos diversas visões sobre o seu consumo e impactos no organismo. Sabemos que tanto o tabaco quanto o açúcar tiveram suas verdades reveladas – tendo sido quanto aos seus reais efeitos sobre a saúde do ser humano. Acredito que o conhecimento de benefícios e efeitos adversos deve estar à mão de todos e, com base neste saber, as pessoas poderão tomar a decisão de continuar a consumir determinado produto ou não.

Hoje muitas são as opções para escolhermos para beber. Se você decide consumir o leite, esteja assumindo que é porque de alguma forma “gosta”, NÃO porque precisa, ou é bom para sua saúde! Porque isso não procede.

REFERÊNCIAS

Michaëlsson Karl, Wolk Alicja, Langenskiöld Sophie, Basu Samar, Warensjö Lemming Eva, Melhus Håkan et al. Milk intake and risk of mortality and fractures in women and men: cohort studies BMJ 2014; 349 :g6015

Ornish, Dean M et al. Dietary trial in prostate cancer: Early experience and implications for clinical trial design. Urology , Volume 57 , Issue 4 , 200 – 201

Feskanich D, Willett WC, Colditz GA. Calcium, vitamin D, milk consumption, and hip fractures: a prospective study among postmenopausal women. Am J Clin Nutr February 2003 vol. 77 no. 2 504-511.

Handford, CE, Campbell, K. e Elliott, CT (2016), Impactos da Fraude Láctea na Segurança Alimentar e Nutrição com ênfase especial nos países em desenvolvimento. REVISÕES INTEGRADAS NA CIÊNCIA DOS ALIMENTOS E NA SEGURANÇA ALIMENTAR, 15: 130-142. Doi: 10.1111 / 1541-4337.12181

Pediatrics. 2005 Mar;115(3):736-43. Calcium, dairy products, and bone health in children and young adults: a reevaluation of the evidence. Lanou AJ1, Berkow SE, Barnard ND.

Peck P.Two or more glasses of milk may raise ovarian câncer skills, still doctors aren’t advising that women stop drinking it WebMD Medical News, May 5, 2000

Feskanich D1, Willett WC, Stampfer MJ, Colditz GA. Milk, dietary calcium, and bone fractures in women: a 12-year prospective study. Am J Public Health. 1997 Jun;87(6):992-7.

Woolridge MW, Fisher C 1988 Colic, “overfeeding” and symptoms of lactose malabsorption in the breast-fed baby: a possible artifact of feed management. Lancet 2:382

Ayub M, Ahmed Q, Abbas M, Qasi IM, Hattak IA. 2007. Composition and adulteration analysis of milk samples. Sarhad J Agric 23(4):1127–30

BBC NEWS. 22nd April 2004. China ‘fake milk’ scandal deepens. Available from: http://news.bbc.co.uk/1/hi/world/asia-pacific/3648583.stm. Accessed November 11, 2016.

WhatsApp chat